0

Batalha contra a Doença de Alzheimer: uma nova esperança na forma de coquetel de moléculas terapêuticas

A Doença de Alzheimer já foi abordada neste blog em diversas ocasiões (https://cientistasfeministas.wordpress.com/?s=alzheimer) e continua a desafiar cientistas na busca por novas opções de diagnóstico e tratamento. Em janeiro deste ano foi publicado trabalho desenvolvido por cientistas norte americanos que utilizaram um coquetel de moléculas terapêuticas sintéticas para tratar a Doença de Alzheimer (DA), e…
Continuar lendo

0

O Alzheimer e a poluição do ar: estariam os nossos cérebros contaminados?

Quando pensamos em poluição do ar, os primeiros riscos que nos vêm à cabeça são: alergias, doenças respiratórias, câncer de pulmão, acidente vascular cerebral (AVC, derrame) e doenças cardíacas.1 Infelizmente, mais um risco entrou para esta conta: a doença de Alzheimer, causa mais comum de demência irreversível.2,3 Entre os fatores de risco para desenvolver a doença…
Continuar lendo

0

Selênio: um micronutriente de “macro” importância

O Selênio (Se) é um metal do grupo dos calcogênios, de número atômico 34 e massa atômica de 78 u. É encontrado no solo, em alimentos, em microrganismos e no corpo humano, sendo considerado um elemento traço ou micronutriente, pois é um dos muitos elementos e vitaminas que o ser humano precisa, em quantidades mínimas…
Continuar lendo

0

Cérebro e intestino: parceria inseparável

A relação entre nosso cérebro e nosso intestino tem sido estudada já faz algum tempo. Diversas publicações ao longo dos anos 2000 sobre “o segundo cérebro” popularizaram a informação de que nosso intestino tem funções muito mais abrangentes do que apenas absorver nutrientes. A neurociência, mais recentemente, reconheceu o papel da microbiota intestinal  com o…
Continuar lendo

0

A biologia da aprendizagem

Eu adoro estudar. Procuro sempre estar aprendendo algo novo, mesmo que eu não precise saber necessariamente aquele assunto. Quando você se dispõe a aprender algo, na maioria das vezes, será sobre um assunto que você gosta. Eu adoro biologia, literatura, história e vários outros assuntos, mas eu odeio tenho extrema dificuldade em aprender línguas. O…
Continuar lendo

1

O gosto amargo dos adoçantes

O excesso de ingestão de açúcar está ligado a diversos efeitos deletérios à saúde, incluindo obesidade, diabetes e doenças cardiovasculares (você pode ler um pouco mais nesse texto do blog: Doenças cardiovasculares e recomendações nutricionais: perspectivas para pesquisas futuras). Os refrigerantes dietéticos, diet e light ou artificialmente adoçados são comumente vendidos e usados como substitutos das…
Continuar lendo

0

Do sistema imune ao sistema nervoso central passando por uma breve análise da ciência.

A ciência como ela é apresentada a todos tem um quê de “superioridade”. Quem nunca ouviu ou até mesmo disse  “Ah, mas eu li que cientistas falaram que…” como forma de sustentar um ponto de vista ou defender uma ideia? Sim, a ciência se construiu para responder questões de forma lógica e objetiva e capacitar…
Continuar lendo